POLÍTICA : O QUE O PRESIDENTE DO PT – RUI FALCÃO, PENSA DOS BRASILEIROS? Por Mª Helena Rubinato R. de Souza.(*)

POLÍTICA

O que afinal o senhor Rui Falcão pensa dos brasileiros?

 

Fiquei injuriada com o vídeo do presidente do PT. Sei que foi para uso interno, mas como ele conclama a sociedade organizada, partidos políticos, centrais sindicais, movimentos populares, a se mobilizarem para neutralizar a operação destinada a abafar a CPI do Demóstenes, creio que ele pretendia o que conseguiu: que sua peroração fosse ouvida fora do âmbito do PT. E aí ele nos dá o direito de responder. É o que faço agora.

O que é mesmo que ele pensa de nós, brasileiros? Que somos inteiramente imbecis? CPI do Demóstenes? Não devia ser CPI do Brasil Corrupto e Corrompido?

Se Demóstenes Torres foi corrompido, alguém o corrompeu. Se foi o Cachoeira, alguém abriu a primeira picada na mata onde o Cachoeira conseguiu de um filete d’água um riacho que virou um rio caudaloso que deu na baita cachoeira que inunda boa parte do Brasil.

No mesmo fôlego Rui Falcão chamou o crime do mensalão de farsa. Ora, se ele está convicto que foi uma farsa, devia ser o primeiro a gritar na porta do STF: Julgamento Já! E devia ter começado a gritar em 2005, pois quanto mais rápido seus companheiros e aliados fossem julgados, mais rapidamente se livrariam da pecha que paira sobre seus nomes e sobre a honradez do PT.

Essa, aliás, parecia a opinião do então presidente da República quando o escândalo do mensalão estourou na Imprensa.

Tudo bem que ele, industriado, já tinha o mensalão como “caixa 2”. Porém na entrevista que deu a uma jornalista escolhida a dedo (não por ser moça bonita, por fazer as perguntas adequadas) no dia 17 de julho de 2005, nos jardins do Hôtel de Marigny, palácio onde o governo francês recebe seus hóspedes ilustres, Lula se mostra indignado com a agressão à ética que era marca do PT… e promete que o PT vai agir:

Viram? Lula garantiu que o PT ia atrás de quem errou. Isso há sete anos! Mas ninguém obedeceu ao chefe. Que vergonha, PT!

Além de desconsiderarem a ordem de Lula, agora o atual presidente do partido filho do Lula acha que está havendo “pressão” para que se julgue o crime do mensalão no “clima eleitoral que o país vive”, “num curto espaço de tempo”!!!. Pressão? Curto espaço de tempo?

Ora, seu Falcão, há sete anos esperamos esse julgamento. Devia ter havido, isso sim, uma grande pressão de todos os partidos políticos, do Congresso, do Governo Federal, da Imprensa e da sociedade, para que o julgamento já tivesse sido feito.

O que não podia é estar o Brasil nesse estado de letargia, esperando e aceitando as justificativas pelo atraso, esperando e compreendendo o incompreensível, esperando e desculpando o indesculpável: uma Justiça que não julga.

Claro que Rui Falcão não se privou de atacar a atual Geni dos petistas: a Imprensa. Numa nota da Comissão Executiva do PT ele clama pelo direito social à informação. Não sei bem o que ele quer dizer com isso, mas pelo andar da carruagem parece que é uma crítica à Imprensa que não noticia malfeitos dos outros, só do PT.

Eu acho isso tudo muito cômico, pois sei como fiquei sabendo dos malfeitos do senador do DEM: pela Imprensa.

Pelo mesmo meio como fiquei sabendo da existência de um homem apelidado Cachoeira. E das lanchas da Ideli, dos papos telefônicos do Agnelo, das conversas animadas do Protógenes, dos lucros fabulosos da construtora Delta, da inesquecível Oração dos Corruptos.

Também foi a Imprensa que, cumprindo seu papel social, permitiu que eu soubesse que a Empresa Brasil de Comunicação contratou a empresa BsBServiços Cinevídeo, de Mônica Monteiro, namorada do ex-ministro da Comunicação Social do governo Lula, Franklin Martins, pela ínfima quantia de R$ 2,3 milhões para a produção do programa “Nova África”.

Com esse fim, o casal está em vilegiatura pela África. Ela produz os programas e o ex-ministro entrevista os líderes africanos para a série que será transmitida pela EBC. Mal posso esperar… (Folha de S. Paulo, 11/04/2012, para assinantes do jornal).

O que mais o senhor Rui Falcão quer da Imprensa? Que não cobre pelos serviços que oferece?

E antes que eu me esqueça: sou das que acham que Lula é um gênio político. Mas desta vez sou capaz de apostar com ele um jantar com o casal da Silva no Antiquarius, mas sem o senhor Falcão, por favor. Não gosto de magricelas. São geralmente invocados.

A aposta: a CPMI do Brasil Corrupto e Corrompido (podem chamar de CPMI Demóstenes/Cachoeira, no fundo vem a dar tudo na mesma) não vai ofuscar o Julgamento do Mensalão. Não vai, mesmo.

O dia tem 24 horas e os brasileiros têm sede de notícia. Sempre tivemos.

 

(*) Postado originalmente no blogdonoblat.

Compartilhe esse texto com seus contatos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *