CRÔNICA : O Cachoeira plantou a síndrome do corno/Arnaldo Jabor. – Colaboração de Lidinho Souza Cintra.

O analfabeto funcional é aquele cara que lê a revista Veja e acredita nela. Inclusive paga assinatura e tudo.

Uma revista que é esquecida em banco de taxi de proposito em São Paulo quando é para veicular escândalos plantados contra os adversários dos galerosos que controlam São Paulo há 18 anos.

Quem tem assinatura da Veja das duas uma.

Ou é um analfabeto funcional, um trouxa, ou um cara que acredita na ideologia que claramente ela prega. O analfabeto funcional vê o Jornal Nacional e o Globo News e jura que os articulistas estão dizendo fatos e não factoides.

Ou ele gosta da lambança neoliberal que eles adoram vomitar. Existem pessoas que sabem que a Veja e o Jornal Nacional tem ideologia, tem patrão e tem interesses. Esses são conservadores, neoliberais e de direita. Esses concordam com o não jornalismo praticado por essa chamada “grande imprensa”.

Os fins justificam os meios.

Nos dois casos, o Carlinhos Cachoeira plantou a Síndrome de Corno. Aquele que descobre que é enganado, mas não quer acreditar no que vê.

O analfabeto funcional prefere continuar acreditando no “Mensalão” porque “não é possível que eu tenha sido enganado todo esse tempo”.

Mesmo com as gravações da Policia Federal das escutas telefônicas do mafioso Carlinhos Cachoeira, do senador corrupto Demóstenes Torres e do chefe do departamento de jornalismo da Veja em Brasília Policarpo Junior, mostrando passo a passo como se formou o plano para desestabilizar o recém-eleito governo Lula.

A elite paulista representada pelo PSDB não queria engolir um presidente operário, nordestino, cabeça chata e o escambau na presidência.

Nunca!

O analfabeto funcional e o direitista estão com Síndrome de Corno. Foda é o ex-esquerdista. Aquele cara que virou ultradireita e neoliberal desapontado pelas “roubalheiras” que a Veja e a Rede Globo publicavam.

Claro que só os crimes do PT. Da noite para o dia a esquerda virou os “corruptos e ladrões”.

O PSDB e o DEM, nicho da direita, eram “os honestos”. O paladino da justiça era o Demóstenes Torres e o Arthur Virgílio Cardoso.

Ninguém aguenta tanta decepção. Então melhor a Síndrome de Corno. Já o ex-esquerdista. Esse perdeu o rumo da história.

 

O Arnaldo Jabor que o diga.

Compartilhe esse texto com seus contatos:

4 Responses to CRÔNICA : O Cachoeira plantou a síndrome do corno/Arnaldo Jabor. – Colaboração de Lidinho Souza Cintra.

  1. André Muniz disse:

    Vamos ficar aqui observando esse duelo de gigantes e sempre que possível dando um beliscada para se manter na ativa … Aguardamos as cenas dos próximos capítulos kkk

  2. Marco Soares disse:

    Paulinho:

    Veja como dedico atenção a este blog: já observei, de longas datas, que sempre que coloco uma matéria o Lidinho aparece.Ou antes ou depois.Princípio da indução…
    Costumo provocar os “braúnas” com a colocação de algumas poesias de cordel.Princípio da ação e reação (lei de Newton)…
    É uma forma própria de trazer ao nosso convívio o estimado primo e os notáveis “meninos de dona Inalda”, valorizando este bem sucedido blog.

    • Dom Pablito disse:

      Atenção “Braunada”! Aceitem o desafio e mãos a obra…Lidinho está empolgadíssimo com a carreata dos tricolores no próximo sábado. Estou em Recife. Corre uma piada, dizendo que a ilha seria o maior estacionamento do Brasil: 03 gols e 35 mil “bestas”…Só pra chatear...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *