Tag Archives: Oportunidades

EDUCAÇÃO: Quase 130 mil VAGAS NO SISU PARA QUEM FEZ O Enem.*

Sisu 2013 vai oferecer 129,2 mil vagas

em mais de 3,7 mil cursos de ensino superior

Símbolo do SISU 1340369334sisu

 

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) vai oferecer 129.279 vagas em 3.751 cursos de 101 instituições públicas de ensino superior. As informações já estão disponíveis aos candidatos no  site do sistema. A ferramenta foi criada pelo Ministério da Educação (MEC), em 2009, para unificar o processo de seleção de universidades e institutos federais de ensino.

As vagas serão preenchidas por estudantes que prestaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obtiveram nota maior que zero na redação.O sistema entra no ar a partir do dia 7 de janeiro de 2013.

De acordo com o cronograma do Sisu, publicado ontem (26) no Diário Oficial da União, as inscrições vão até as 23 horas e 59 minutos do dia 11 de janeiro de 2013 (horário de Brasília) e devem ser feitas exclusivamente pela internet, no .portal do Sisu. Para a seleção do primeiro semestre de 2013 valerá a nota do Enem 2012, cuja divulgação, segundo o MEC, será feita amanhã (28).

Segundo o edital, o estudante poderá se inscrever em até duas opções de vaga e deverá especificar a ordem de preferência, o local de oferta, o curso e o turno. Além disso, será possível escolher a modalidade de concorrência – em 2013, .Sisu se adequará à Lei de Cotas. As inscrições serão gratuitas e as instituições de ensino deverão disponibilizar acesso à internet aos estudantes interessados.

O resultado da primeira chamada será divulgado no dia 14 de janeiro de 2013 e da segunda chamada, no dia 28 de janeiro, no site do Sisu e das instituições. No caso de notas idênticas, o desempate será feito pela seguinte ordem de critérios: nota na redação; nota em Linguagens, Códigos e suas tecnologias; nota em Matemática e suas Tecnologias; nota em Ciências da Natureza e suas Tecnologias e nota em Ciências Humanas e suas Tecnologias.

As matrículas serão feitas nas instituições nos dias 18, 21 e 22 de janeiro para a primeira chamada e 1º, 4 e 5 de fevereiro para a segunda.

*Fonte: AgBrasil / Heloisa Cristaldo/Colaborou Mariana Torkania

ECONOMIA PERNAMBUCO – Além da Montadora de Veículos a FIAT vai Construir uma Fábrica de Motores.*

Fiat amplia investimentos no estado com

instalação de fábrica de motores em Goiana

Solenidade de Assinatura   da nova planta da FIAT em Pernambuco.

Solenidade de Assinatura da nova planta da FIAT em Pernambuco.

 

Pernambuco ganha mais uma planta da Fiat e confirma Goiana como Polo Automotivo do Nordeste. Nesta quarta-feira (26/12), o governador Eduardo Campos e o Presidente da Fiat/Chrysler América Latina, Cledorvino Belini, anunciaram a instalação de uma fábrica de motores na região. A solenidade aconteceu na Sede provisória do Governo do Estado, no Centro de Convenções.

A nova planta está orçada em R$ 500 milhões e será construída numa área de 50 mil m2, gerando 550 postos de trabalho, com capacidade de produção de 150 mil unidades por ano de uma nova série de motores de última geração. “Consolida aqui um empreendimento que vai marcar a história da indústria pernambucana e aponta para tudo que precisamos em 2013: mais e mais decisões como essa que vão animar a economia para ganharmos o ano com mais investimentos”, disse Eduardo.

Para Belini, o ato é representa “a boa nova de inclusão de uma moderna fábrica de motores que a Fiat implanta no polo automotivo de Goiana, Mata Norte de Pernambuco. Estamos dando em conjunto passos importantes no processo de reindustrialização do Estado, adensando a cadeia produtiva regional”, afirmou, lembrando que a fábrica deve funcionar em 2015, depois da fábrica de automóveis entrar em operação.

Eduardo com o presidente da FIAT Cledorvino Belini.

Eduardo com o presidente da FIAT Cledorvino Belini.

Com o anúncio desta quarta-feira, chega a R$ 6,7 bilhões o total de investimento da montadora em Pernambuco. São R$ 4 bilhões da primeira planta, R$ 2,2 em desenvolvimento de novos produtos e pesquisa, e R$ 500 milhões da fábrica de motores. “Serão equipamentos de nova geração ainda não existentes no mundo e que atenderão as exigências de eficiência energéticas previstas”, explicou Cledorvino Belini.

Além de recursos próprios, a Fiat conta com financiada por distintas instituições e fontes, como o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco do Brasil/FDNE (Sudene), Banco do Nordeste do Brasil/ Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE).

Para o governador, o projeto só existe graças um “diálogo federativo” e ao papel da União. “Agradeço à presidenta Dilma em nome dos pernambucanos por colocar de pé um empreendimento que dá outra dimensão a tudo que estamos fazendo e vai animar outros sistemistas, fornecedores da Fiat, a tomar, ainda este ano, a mesma decisão”, ressaltou Eduardo.

*Fonte: Portal do Governo PE.

PERNAMBUCO-Educação: Governador foi Receber os Alunos do (PGM) PROGRAMA ESTADUAL GANHE O MUNDO.*

Governador recebe alunos da primeira turma

do Programa Ganhe o Mundo

Chegada dos alunos nos Guararapes no dia do Natal.

Chegada dos alunos nos Guararapes no dia do Natal.

 

A efervescência do frevo e do caboclinho em pleno Natal deram o tom do reencontro dos 20 estudantes da rede estadual de ensino que desembarcaram nesta terça-feira (25), no Recife, depois de passarem um período letivo no intercâmbio em Phoenix, nos Estados Unidos. Aguardavam o grupo, no hall do Aeroporto Internacional dos Guararapes, o governador Eduardo Campos e dezenas de familiares dos jovens, com faixas, apitos e muita saudade.

Os alunos, que estavam desde agosto em terras americanas, foram contemplados com intercâmbio patrocinado pelo Programa Estadual Ganhe o Mundo (PGM), que só este ano levou os 552 estudantes com melhores notas no curso intensivo de língua inglesa oferecido pela Secretaria de Educação, para fazer intercâmbio nos Estados Unidos e no Canadá. Além desse desembarque, outros oito já estão agendados até o fim de janeiro de 2013. O próximo está programado para o dia 1º de janeiro. A expectativa é que nesse período 124 alunos estejam de volta a Pernambuco.

O governador, que esteve no embarque do grupo para os Estados Unidos, fez também questão de recebê-los para agradecer o exemplo e parabenizá-los pela coragem. “Não é singelo o que eles viveram. Muitos saíram de realidades completamente diferentes, enfrentaram uma barra e não desistiram. Venceram a saudade e o medo, mas não se entregaram. Completaram uma etapa importante da sua formação”, destacou.

LEIA A ÍNTEGRA:

Governador recebe alunos da primeira turma do Programa Ganhe o Mundo

*Fonte: Portal GovernoPE>

Concurso público do BANCO DO BRASIL para 15 estados, inclusive Pernambuco

CONCURSO PÚBLICO PARA

O BANCO DO BRASIL

 

 

O Banco do Brasil abriu concurso para formação de cadastro de reserva para o cargo de escriturário, nos estados do Acre, Amapá, Amazonas (parte do estado), Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina (parte do estado) e Sergipe. O salário é de R$ 1.892,00 para jornada de trabalho de 30 horas semanais. O provimento das vagas está sujeito ao planejamento estratégico e às necessidades do Banco do Brasil.

O candidato deve ter ensino médio e idade mínima de 18 anos completos até a data da contratação.

De acordo com o edital, ficam asseguradas as admissões, conforme necessidade de provimento, dos candidatos classificados nas seleções externas 2011/001, 2011/002 e 2011/003 até o término de suas vigências (04/03/2013, 29/04/2013 e 28/09/2013, respectivamente).

Os candidatos poderão realizar a inscrição por meio do endereço eletrônico www.concursosfcc.com.br das 10h do dia 19 de outubro às 14h do dia 5 de novembro, e nos postos credenciados pela Fundação Carlos Chagas, constantes do Anexo III do edital. Os postos de inscrição estarão em funcionamento no período das inscrições, em dias úteis, das 9 às 12h e das 13h às 17h. A taxa é de R$ 40.

 

Veja o edital no site da Fundação Carlos Chagas

CONFIRA A LISTA COMPLETA DE CONCURSOS E OPORTUNIDADES

 

*Fonte : G1

 

EMPREGOS : FALTA MÃO DE OBRA NO AGRESTE DE PERNAMBUCO. *

Sobram vagas de trabalho no Agreste

 

 

EMPREGO Construção civil e indústria da confecção são os dois setores que mais necessitam de mão de obra na região

 

Com crescimento acima da média, Caruaru e outras cidades do Agreste geram, cada vez mais, novos empregos. Em algumas áreas, como na construção civil e no setor de confecções, a mão de obra está escassa e algumas empresas chegam a importar trabalhadores para dar continuidade às suas obras. Esse boom de crescimento é uma oportunidade para quem quer ingressar no mercado de trabalho ou sair do desemprego.
De acordo com uma pesquisa feita pela Ceplan – Consultoria Econômica e Planejamento, o Agreste Central e Setentrional crescem acima da média do Estado, do Nordeste e do Brasil. O estudo revela que, no período de entre 2000 e 2009, o Produto Interno Bruto (PIB) do Agreste Central cresceu 4,1% e o do Agreste Setentrional, 3,8%. Os índices estão acima do crescimento do PIB no Brasil (3,2%), no Nordeste (3,6%) e em Pernambuco (3,5%).

Nesse período, a tradicional informalidade do setor de confecções, um dos mais fortes da região, caiu, aumentando o número de empregos formais. Segundo a pesquisa da Ceplan, entre 2000 e 2010 o emprego formal cresceu 9,2% no Agreste Setentrional e 9,1% no Central.

Com índices recordes de crescimento, já começam a faltar empregos em algumas áreas, como na construção civil. O Shopping Difusora, por exemplo, precisou importar trabalhadores, principalmente do Ceará, para tocar suas obras de expansão. Atualmente, temos 120 operários trabalhando, muitos de outros Estados. “Aqui está faltando gente para trabalhar na construção civil. A cidade se transformou num canteiro de obras, diz o gerente de marketing do centro de compras”, Gustavo Penteado.

Segundo ele, o aquecimento da economia também tem provocado uma alta rotatividade dos trabalhadores. “Muitas vezes as empresas ou lojas investem na capacitação do profissional, mas depois de um tempo ele recebe nova proposta e deixa o emprego para tentar outra oportunidade”.

De acordo com a supervisora da central de vagas do Sistema Nacional de Emprego da Agência do Trabalho de Caruaru, Sueli Cristina, a oferta de empregos depende muito da época do ano. “Agora mesmo estão surgindo muitas vagas para as lojas que vão abrir nos shoppings. Já no setor de confecções aparecem muitas vagas para costureiras”, conta. Segundo ela, o caminho para conquistar uma dessas vagas é ter pelo menos o ensino médio e conhecimentos de informática.

A demanda por mão de obra nos shoppings também foi percebida pelo presidente do Sindicato dos Lojistas de Caruaru (Sindloja), Michel Jean. “Quem tem gerado muito emprego são os centros de compras, que estão em processo de expansão. Mas de um modo geral a mão de obra precisa melhorar”.

Para amenizar o problema, o Sindloja realizará diagnóstico da situação, levantando as áreas onde a carência de mão de obra é maior. Num segundo momento, serão realizadas ações de capacitação. “Muitas vezes a mão de obra qualificada migra do comércio para a indústria, que oferece remuneração melhor”, diz Michel Jean. O Sindloja conta com banco de currículos, onde é feita a triagem dos candidatos e a intermediação com as empresas.

* Fonte: (JC/Caderno Agreste-pág. 06)

Mais informações pelo fone (81) 3722-4070.

CONCURSOS PÚBLICO : CONCURSOS OFERECEM MAIS DE 40 MIL VAGAS.

Lista de concursos

 

 

Pelo menos 116 concursos públicos estão com inscrições abertas nesta semana. São 27.749 vagas imediatas e cadastro de reserva para todos os níveis de escolaridade e salários de até R$ 21 mil. Os tribunais de justiça e regionais do trabalho são destaques e selecionam técnicos, analistas e juízes. As prefeituras correm contra o relógio para realizar os processos seletivos e homologá-los até o fim de junho. Confira:

 

Instituição/Órgão Prazo

Vagas   –   Salário máximo  –   Escolaridade  –  Prova  –   Edital

 

Aeronáutica (1) 10/05/2012 146 R$ 6.000 nível superior 17/06/2012 veja edital

Aeronáutica (2) 21/05/2012 70 não informado nível médio 05/06/2012 veja edital

Banco da Amazônia 28/05/2012 cadastro de reserva R$ 1.863 nível médio e superior 15/07/2012 veja edital

Câmara Municipal de Juiz de Fora (MG) 29/05/2012 11 R$ 1.004 nível médio 10/06/2012 veja edital

Câmara Municipal de Mossoró (RN) 14/05/2012 39 R$ 2.403 nível médio e superior 03/06/2012 veja edital

Câmara Municipal de Rio Bonito (RJ) 10/05/2012 49 R$ 4.000 nível médio e superior 10/06/2012 veja edital

Centro Nacional de Tecnologia Eletrônica Avançada 11/05/2012 188 R$ 6.540 nível médio/ técnico e superior Data a ser divulgada veja edital

Companhia Melhoramentos da Capital 16/05/2012 206 R$ 4.531 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Companhia Municipal de Urbanismo de Novo Hamburgo 08/05/2012 419 R$ 2.090 nível fundamental e médio 27/05/2012 veja edital

Companhia Riograndense de Saneamento 08/05/2012 248 R$ 5.287 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Conselho Federal de Psicologia 25/05/2012 14 e cadastro R$ 5.144 nível médio e superior 17/05/2012 veja edital

Conselho Regional de Farmácia do Estado de Mato Grosso do Sul 27/05/2012 5 R$ 2.446 nível médio e superior 03/06/2012 veja edital

Conselho Regional de Farmácia do Paraná 11/05/2012 cadastro de reserva R$ 3.981 nível médio e superior 20/05/2012 veja edital

Conselho Regional de Fonoaudiologia da 5ª Região (Pará, Goiás e Amazonas) 21/05/2012 6 e cadastro R$ 2.000 nível médio e superior 24/06/2012 veja edital

Conselho Regional de Medicina do Estado de Rondônia 25/05/2012 11 e cadastro R$ 1.315 nível fundamental e médio. 03/06/2012 veja edital

Conselho Regional de Psicologia do Espírito Santo 08/06/2012 7 e cadastro R$ 2.408 todos os níveis 17/06/2012 veja edital

Conselho Regional de Serviço Social de São Paulo – 9ª Região 10/05/2012 2 e cadastro R$ 2.468 nível médio e superior 20/05/2012 veja edital

Defensoria Pública do Estado do Acre 15/05/2012 12 R$ 9.600 nível superior em direito 15/07/2012 veja edital

Empresa Municipal de Obras Públicas e Serviços do Município de Divinópolis (MG) 16/05/2012 103 R$ 2.494 todos os níveis 17/06/2012 veja edital

Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto 11/05/2012 150 R$ 2.174 nível médio e superior 01/07/2012 veja edital

Fundação Eletronuclear de Assistência Médica 18/05/2012 cadastro de reserva R$ 6.900 todos os níveis 01/07/2012 veja edital

Força Aérea Brasileira 10/05/2012 140 R$ 6.000 nível superior 17/06/2012 veja edital

Fundação Estadual Saúde da Família 17/05/2012 144 e cadastro R$ 11.050 nível superior 10/06/2012 veja edital

Hospital São João Batista de Volta Redonda 11/05/2012 194 R$ 868 nível superior em medicina 17/06/2012 veja edital

Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural 10/05/2012 147 R$ 1.138 nível fundamental e médio 10/06/2012 veja edital

Instituto de Desenvolvimento Integrado de Minas Gerais 04/06/2012 31 R$ 4.298 nível médio e superior 08/07/2012 veja edital

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí 23/05/2012 85 R$ 2.989 todos os níveis 01/07/2012 veja edital

Marinha (1) 24/05/2012 32 R$ 2.500 nível médio Data a ser definida veja edital

Marinha (2) 15/05/2012 210 R$ 700 nível fundamental 17/06/2012 veja edital

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão 11/05/2012 149 R$ 9.980 nível superior 17/06/2012 veja edital

Ministério Público do Estado do Piauí 29/05/2012 15 R$ 18.041 nível superior em direito 22/06/2012 veja edital

Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul 08/06/2012 15 R$ 17.581 nível superior em direito 29/06/2012 veja edital

Polícia Militar do Estado de São Paulo 23/05/2012 1.160 R$ 2.242 nível médio 24/06/2012 veja edital

Prefeitura de Águas Lindas de Goiás (GO) 13/05/2012 1.060 R$ 7.200 todos os níveis 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Araguari (MG) 20/05/2012 119 R$ 6.561 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Batalha (PI) 13/05/2012 51 R$ 1.451 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Beberibe (CE) 13/05/2012 600 R$ 5.568 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Boca da Mata (AL) 16/05/2012 183 R$ 2.500 todos os níveis 02 e 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Belém (PB) 18/05/2012 180 R$ 2.000 todos os níveis 17/06/2012 veja edital

Prefeitura de Bragança Paulista (SP) 16/05/2012 301 R$ 2.632 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Caieiras (SP) 07/05/2012 417 R$ 2.305 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Camaragibe (PE) 16/05/2012 164 R$ 1.313 todos os níveis 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Cambuí (MG) 31/05/2012 107 R$ 2.832 todos os níveis 08/07/2012 veja edital

Prefeitura de Campos de Júlio (MT) 07/05/2012 139 R$ 10.235 todos os níveis 20/05/2012 veja edital

Prefeitura de Candeias do Jamari (RO) 07/05/2012 390 R$ 5.990 todos os níveis 13/05/2012 veja edital

Prefeitura de Capitão Andrade (MG) 18/05/2012 110 R$ 2.600 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Caririaçu (CE) 25/05/2012 681 R$ 6.000 todos os níveis 01/07/2012 veja edital

Prefeitura de Central de Minas (MG) 06/06/2012 81 R$ 5.500 todos os níveis 16 e 17/06/2012 veja edital

Prefeitura de Cidade Ocidental (GO) 23/05/2012 67 R$ 1.918 nível superior 24/06/2012 veja edital

Prefeitura de Cotia (SP) 18/05/2012 240 R$ 1.529 nível médio e superior 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Curitiba 14/05/2012 30 R$ 12.450 nível médio e superior 20/05/2012 veja edital

Prefeitura de Dias D’Ávila (BA) 16/05/2012 358 R$ 1.665 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Ibiara (PB) 10/05/2012 78 R$ 4.000 todos os níveis Data a ser divulgada veja edital

Prefeitura de Iguaba Grande (RJ) 09/05/2012 139 R$ 2.974 todos os níveis 26 e/ou 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Itamarati de Minas (MG) 06/06/2012 55 R$ 1.238 todos os níveis 16 e 17/06/2012 veja edital

Prefeitura de Itapeva (SP) 08/05/2012 2.098 R$ 8.791 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Itaporanga (SP) 11/05/2012 64 R$ 2.319 todos os níveis 26 e 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Irani (SC) 24/05/2012 26 R$ 3.059 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Itaquaquecetuba (SP) 13/05/2012 1.553 R$ 5.251 todos os níveis Data a ser divulgada veja edital

Prefeitura de Jaguarão (RS) 10/05/2012 61 R$ 1.971 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Japaraíba (MG) 17/05/2012 58 R$ 8.000 todos os níveis 09 e/ou 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Jaraguá do Sul (SC) 07/05/2012 49 R$ 6.995 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Lagoa Santa (MG) 31/05/2012 965 R$ 3.168 todos os níveis 05/08/2012 veja edital

Prefeitura de Lagoa Seca (PB) 09/05/2012 82 R$ 5.700 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Lauro Muller (SC) 16/05/2012 44 R$ 6.938 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Limeira (SP) 10/05/2012 301 R$ 7.343 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Manaíra (PB) 11/05/2012 113 R$ 5.000 todos os níveis Data a ser divulgada veja edital

Prefeitura de Maragojipe (BA) 13/05/2012 80 R$ 2.500 nível médio e superior 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Mauá (SP) 17/05/2012 370 R$ 3.811 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Moreilândia (PE) 16/05/2012 88 R$ 10.000 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Nova Alvorada do Sul (MS) 08/05/2012 211 R$ 9.800 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Óbidos (PA) 10/05/2012 346 R$ 6.000 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Ouro Fino (MG) 11/05/2012 138 R$ 4.776 todos os níveis 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Ouro Verde de Minas (MG) 11/05/2012 187 R$ 2.000 todos os níveis 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Palhoça (SC) 17/05/2012 282 R$ 5.023 todos os níveis 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Palmas (PR) 23/05/2012 563 R$ 7.543 todos os níveis 17/06/2012 veja edital

Prefeitura de Paulo Ramos (MA) 12/05/2012 153 R$ 5.000 todos os níveis 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Patrocínio (MG) 11/05/2012 605 R$ 3.409 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Pedralva (MG) 06/06/2012 100 R$ 2.000 todos os níveis 08/07/2012 veja edital

Prefeitura de Pitanga (PR) 07/05/2012 78 R$ 3.609 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Porto Nacional (TO) 17/05/2012 704 R$ 9.000 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Presidente Prudente (SP) 21/05/2012 106 R$ 3.112 todos os níveis 01/07/2012 veja edital

Prefeitura de Quixeramobim (CE) 20/05/2012 207 R$ 2.643 todos os níveis 17/06/2012 veja edital

Prefeitura de Rio Claro (SP) 11/06/2012 105 R$ 3.234 nível médio e superior 15/07/2012 veja edital

Prefeitura de Rio Tinto (PB) 18/06/2012 496 R$ 3.000 todos os níveis 17/06/2012 veja edital

Prefeitura de Santarém (PA) 14/05/2012 431 R$ 622 nível fundamental 06/05/2012 veja edital

Prefeitura de Santa Cruz Cabrália (BA) 10/05/2012 206 R$ 2.890 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Santa Rita (PB) 09/05/2012 200 R$ 2.500 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de São Bento do Una (PE) 25/05/2012 375 R$ 6.500 todos os níveis 01/07/2012 veja edital

Prefeitura de São Raimundo Nonato (PI) 31/05/2012 281 R$ 1.090 todos os níveis 08/07/2012 veja edital

Prefeitura de Senador Canedo (GO) 27/05/2012 630 R$ 654 nível fundamental 17/06/2012 veja edital

Prefeitura de Serra Talhada (PE) 23/05/2012 704 R$ 2.800 todos os níveis 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Sete Lagoas (MG) 16/05/2012 535 R$ 1.594 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Sobral (CE) 20/05/2012 10 R$ 2.783 nível superior 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Tatuí (SP) 18/05/2012 60 R$ 3.136 todos os níveis 10/06/2012 veja edital

Prefeitura de Toledo (MG) 09/05/2012 75 R$ 2.000 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Três Lagoas (MS) 13/05/2012 123 R$ 1.090 nível médio e superior 27/05/2012 veja edital

Prefeitura de Turvolândia (MG) 23/05/2012 59 R$ 1.316 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Utinga (BA) 11/05/2012 420 R$ 8.990 todos os níveis 03/06/2012 veja edital

Prefeitura de Valinhos (SP) 15/05/2012 307 R$ 3.934 todos os níveis 27/05/2012 veja edital

Secretaria da Administração Penitenciária de São Paulo 11/05/2012 308 R$ 3.041 nível superior em medicina 03/06/2012 veja edital

Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Belém 14/05/2012 142 R$ 1.244 todos os níveis 17/06/2012 veja edital

Transpetro 15/05/2012 322 R$ 7.964 não informado Data a ser divulgada veja edital

Transportadora Brasileira Gasoduto Bolívia-Brasil 21/05/2012 14 e cadastro R$ 6.883 nível médio e superior 10/06/2012 veja edital

Tribunal de Contas do Estado do Amazonas 13/06/2012 30 R$ 5.500 nível superior 22/07/2012 veja edital

Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro 08/05/2012 100 R$ 9.031 nível médio e superior Data a ser divulgada veja edital

Tribunal de Justiça de Goiás 24/05/2012 44 R$ 2.224 nível médio 10/06/2012 veja edital

Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul 23/05/2012 24 R$ 18.610 nível superior em direito 29/07/2012 veja edital

Tribunal de Justiça do Paraná 29/05/2012 47 não informado nível superior em direito 01/07/2012 veja edital

Tribunal de Justiça de São Paulo 11/05/2012 309 remuneração de acordo com os serviços prestados nível superior em direito Data a ser divulgada veja edital

Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (São Paulo) 29/05/2012 174 R$ 21.766 nível superior em direito 02/09/2012 veja edital

Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região (Roraima e Amazonas) 18/05/2012 14 R$ 21.766 nível superio em direito 01/07/2012 veja edital

Universidade Federal do Rio Grande do Norte 14/05/2012 119 R$ 2.989 todos os níveis 17/06/2012 veja edital

 

* Fonte: Congresso em Foco

CONCURSO PÚBLICO PARA A PREFEITURA DE SÃO BENTO DO UNA. (*)

Regional

São Bento do Una oferece 300 vagas

São Bento do Una oferece boas oportunidades para concurseiros.

Foram abertas hoje as inscrições do concurso público da cidade de São Bento do Una, no Agreste. A seleção preencherá 300 vagas na administração em cargos de nível fundamental, médio e superior. Os interessados devem procurar a avenida Osvaldo Maciel, 47, no Centro, das 8h às 12h e das 13h às 17h para a fazer a inscrição presencial. Aqueles que preferirem podem fazer o cadastro no site www.mettaconcursos.com.br. O prazo final para a inscrição é o dia 25 deste mês. O valor da taxa varia de R$ 13,50 a R$ 22,50. As provas acontecem no dia 1º de julho.

Os cargos de nível superior são para Assistente Social, Arquivista, Bioquímico, Enfermeiro PSF, Enfermeiro PACS, Enfermeiro Ambulatorial, Enfermeiro Plantonista, Engenheiro Civil, Fonoaudiólogo, Médico Obstetra, Médico Pediatra, Médico Clínico Geral, Médico Plantonista, Médico PSF, Médico Anestesista, Médico Cirurgião Obstetra, Nutricionista, Odontólogo PSF, Odontólogo Ambulatorial, Psicólogo, Veterinário e Professores de Língua Portuguesa, Matemática, Biologia, História e Educação Física. Já de nível médio as oportunidades são para Agente de Vigilância Sanitária, Agente Comunitário de Saúde, Agente Educacional, Atendente de Saúde, Auxiliar de Odontólogo, Digitador, Professor de Magistério e Especial, Técnico Agrícola, Técnico de Enfermagem, Técnico em Laboratório, Técnico em Raio X e Técnico em Edificações. Os candidatos do ensino fundamental podem concorrer a Auxiliar de Serviços Gerais, Coveiro, Cozinheira, Encanador, Gari, Merendeira, Motorista “D” e Operador de Máquinas.

O anúncio do maior concurso da história de São Bento deixou a população ansiosa por um emprego público. “Minha filha já está se preparando para fazer a prova para auxiliar de Serviços Gerais”, contou a dona de casa Edneide Santos, 48. Moradores de outras cidades vão participar. “Vou me inscrever para uma vaga de professora”, disse Brunna Barbosa, de Belo Jardim.

 

(*) Fonte; FolhaPE/RENATA COUTINHO

ESTADOS UNIDOS : OS IMIGRANTES FAZEM A VIAGEM DE VOLTA. (*)

Os filhos de imigrantes

deixam os EUA

 

 

 

Cada vez mais filhos de imigrantes trocam

EUA por terra natal de seus pais

Diante da falta de oportunidades advinda da crise, filhos de indianos, chineses, brasileiros e russos apostam em países de origem

Samir Kapadia parecia estar em ascensão em Washington. Ele passou de um estágio no Capitólio para empregos em uma grande fundação e uma empresa de consultoria. Mas mesmo assim ele sentia que seus dias haviam caído na rotina.

Cada vez mais filhos de imigrantes trocam EUA por terra natal de seus pais

Enquanto isso, amigos e parentes na Índia, terra natal de seus pais, todos na casa dos 20 anos de idade, contavam sobre suas vidas no país emergente. Um estava abrindo uma empresa de comércio eletrônico, outro uma empresa de relações públicas, outros ainda uma revista, uma incubadora de empresas e um site de fofocas.

 

texana Reetu Jain deixou os EUA que seus pais um dia buscaram para viver em Mumbai, na Índia. (foto NYT)

“Eu ficava no Facebook e ao telefone vendo e ouvindo sobre como todos eles estavam começando empresas e fazendo coisas dinâmicas“, lembrou Kapadia, 25 anos, que nasceu na Índia, mas cresceu nos Estados Unidos. “E eu comecei a sentir que meu trabalho em horário comercial já não era bom o suficiente.”

No ano passado, ele deixou seu emprego e se mudou para Mumbai.

Cada vez mais os filhos altamente qualificados de imigrantes que vieram para os Estados Unidos estão voltando para a terra natal de seus pais, dizem os especialistas. Eles estão abraçando pátrias que seus pais rejeitaram, mas que se atualmente são potências econômicas.

Alguns, como Kapadia, chegaram aos EUA quando crianças, tornando-se cidadãos, enquanto outros nasceram no país, filhos de pais imigrantes.

Americanos empreendedores sempre procuraram oportunidades no exterior. Mas essa nova onda ressalta a tendência evolutória da imigração global, que representa desafios em supremacia e competitividade para os EUA.

Em entrevistas, muitos desses americanos disseram não saber quanto tempo pretendem viver no exterior. Alguns disseram que podem permanecer expatriados por muitos anos, e até mesmo decidir passar o resto de suas vidas longe do território americano.

Em muitos casos, a decisão de partir causou problemas com os pais imigrantes. Mas a maioria afirmou ter tomado uma decisão diante do sombrio clima nas contratações nas empresas americanas e das oportunidades no exterior.

“Os mercados estão abrindo e as pessoas estão apostando em novas ideias. Há no ar um clima de possibilidades, de que é possível moldar e criar oportunidades”, disse Kapadia, agora pesquisador na Gateway House, uma organização de pesquisa em política externa de Mumbai. “As pessoas aqui estão agindo muito mais rápido do que as pessoas em Washington.”

Fuga de cérebros

Durante muitas gerações, países menos desenvolvidos sofreram com a fuga de seus profissionais mais qualificados. Isso, é claro, não parou. Mas agora, o fluxo reverso começou, particularmente para países como China e Índia e, em menores extensões, Brasil e Rússia.

Alguns estudiosos e líderes empresariais afirmam que essa mudança não é necessariamente um mau presságio para os EUA. Eles dizem que jovens profissionais altamente educados semeiam o conhecimento americano no exterior. Ao mesmo tempo, esses profissionais adquirem experiência fora e ampliam sua rede de contatos, algo que levam para os EUA quando voltam.

Especialistas alertam, no entanto, que na disputa global por talentos, o retorno desses expatriados para os EUA e empresas americanas já não é uma aposta certa.

“Esses são os profissionais velozes, eles seguem para onde há melhor oportunidade”, disse Demetrios G. Papademetriou, presidente do Instituto de Políticas Migratórias, um grupo sem fins lucrativos de Washington que estuda os movimentos populacionais. “Sei que muitas pessoas falam em lealdade”, disse Papademetriou. “Quando a questão é guerra, existe uma lealdade. Mas esse é um tipo diferente de guerra que afeta todos nós.”

Dados

O governo americano não coleta dados sobre filhos de imigrantes nascidos nos EUA – ou aqueles que nasceram no exterior e vieram com seus pais para o país ainda crianças.

Na Índia, as autoridades disseram ter percebido um grande aumento na chegada de pessoas de ascendência indiana nos últimos anos – ao menos 100 mil em 2010, disse Alwyn Didar Singh, ex-oficial sênior do Ministério de Assuntos Exteriores.

Jonathan Assayag, 29 anos, um brasileiro-americano nascido no Rio de Janeiro e criado no sul da Flórida, voltou ao Brasil no ano passado. Pós-graduado na Escola de Negócios de Harvard, ele passou anos trabalhando em empresas de Internet no Vale do Silício e sem sucesso tentando desenvolver um negócio próprio.

Durante cinco meses eu passei meus fins de semana no Starbucks, tentando pensar no próximo grande lançamento americano”, lembrou.

Enquanto isso, seus amigos de Harvard diziam: “‘Jon, o que você está fazendo? Vá para o Brasil e abra um negócio lá!”, ele contou.

No ano passado, ele se mudou para São Paulo e tornou-se um “empreendedor local” em uma firma de capital de risco brasileira. Ele está agora abrindo uma loja de óculos online. “Eu falo a língua, entendo a cultura e seu como as pessoas fazem negócios“, disse.

Para muitos desses emigrantes, a decisão de retornar ao país natal confundiu – e até mesmo irritou – seus pais imigrantes.

Quando Jason Lee, que nasceu em Taiwan e foi criado nos EUA, disse a seus pais que queria visitar Hong Kong nas férias da faculdade seu pai se recusou a pagar a passagem de avião. “Sua mentalidade era: ‘Eu trabalhei tão duro para trazê-lo para a América e agora você quer voltar para a China?'”, Lembra Lee, 29 anos.

Desde então, Lee abriu uma empresa de importação e exportação entre EUA e China, estudou em Xangai, trabalhou para bancos de investimento em Nova York e Cingapura e criou um website de procura de emprego internacional na Índia. Ele agora trabalha para uma empresa de investimento em Cingapura. A oposição de seu pai diminuiu.

Margareth Tran – cuja família seguiu um longo caminho de duas gerações da China para os EUA através do Camboja, Tailândia, Hong Kong e França – disse que seu pai ficou descontente com a decisão de mudar para lá em 2009.

“É meio louco para ele que eu queria me mudar para a China”, disse Tran, 26 anos, que nasceu na França e se mudou para os EUA quando tinha 11 anos. “Ele quer que eu tenha os benefícios de um país de primeiro mundo.”

Após se formar na Universidade de Cornell University em 2009, no auge da recessão, ela não conseguiu encontrar trabalho em Wall Street, uma ambição de longa data. Ela se mudou para Xangai e encontrou um emprego em uma empresa de consultoria.

“Eu nunca havia pisado na Ásia, portanto parte da minha decisão teve relação com uma necessidade de voltar às minhas raízes”, lembrou.

Tran afirmou que não sabe quanto tempo irá permanecer no exterior. Ela disse estar aberta a várias possibilidades, como viver na China, em outro país, ou voltar para os EUA. Seu pai aceitou relutantemente .

“Eu disse para ele: ‘Vou tentar fazer isso na China, e se as coisas funcionarem para mim lá eu posso ter uma carreira muito melhor’”, contou. “Ele não quis me segurar.”

 

(*) Por Paulo F. – De The New York Times / iG

 

CONCURSO PÚBLICO : CGU ABRE CONCURSO COM 250 VAGAS. (*)

CONCURSO

CGU abre 250 vagas com

salário de R$ 12.960,77

 

Oportunidades são para analista de finanças e controle

 

A Controladoria-Geral da União (CGU) lançou concurso público para preencher 250 vagas de analista de finanças e controle (nível superior), com salário de R$ 12.960,77. As áreas de atuação são auditoria e fiscalização geral, auditoria e fiscalização infraestrutura, administrativa, prevenção da corrupção e ouvidoria, tecnologia da informação – infraestrutura de TI, tecnologia da informação – desenvolvimento de sistemas de informação, correição e comunicação social.

Quem for aprovado irá atuar nos Estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e em Brasília. A seleção é composta por prova objetiva de conhecimentos básicos, prova objetiva de conhecimentos específicos, prova objetos de conhecimentos especializados, prova discursiva, sindicância de vida pregressa e curso de formação.

As inscrições vão até 6 de maio pelo site www.esaf.fazenda.gov.br. A taxa é de R$ 140.

(*) Fonte: NE10/JC

CONCURSOS PÚBLICOS : STJ E STF REGULAMENTAM DIREITO À NOMEAÇÃO. (*)

STJ e STF reafirmam direitos

dos concursados à nomeação

 

“Se a administração pública estiver empregando alguém mediante contrato temporário ou terceirizado para o cargo que deveria ser seu, não vacile: acione a Justiça”

 

 

A Páscoa trouxe boas notícias para o mundo dos concursos. Comecemos pela decisão em que o Superior Tribunal de Justiça – STJ – obrigou a Secretaria de Educação do Piauí a nomear professor aprovado em concurso fora do número de vagas estabelecido no edital. A decisão favorável ao candidato foi motivada pela contratação de terceirizado para exercer as mesmas funções do cargo para o qual o professor prestara o concurso. Com ela, o STJ corrobora recente sentença da 2ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho – TST –, proferida em caso semelhante, e reforça a obrigação de a Administração respeitar o que determina a Constituição Federal quanto à ocupação de cargos e empregos públicos.

A decisão do TST determinou a substituição, por candidatos aprovados em concurso público, de vários terceirizados contratados pelo Banco do Brasil para trabalhar em agência do interior do Paraná. O Tribunal acolheu recurso do Ministério Público, que se insurgira contra a sentença de primeira instância, favorável ao banco. O concurso em tela foi realizado em 2003, para o cargo de escriturário.

Outra decisão, na mesma linha, foi proferida pelo Supremo Tribunal Federal – STF. O ministro Luiz Fux homologou acordo celebrado pela empresa estatal Furnas, de energia elétrica, com o Ministério Público. A empresa foi obrigada a desligar (sem trocadilho) terceirizados que mantinha em sua folha e nomear aprovados em concurso público realizado em 2009. Muitos dos aprovados estavam aguardando a nomeação, enquanto a empresa contratava empregados não concursados.

Também no âmbito administrativo, há decisão recente que se presta a salvaguardar o instituto do concurso público. Refiro-me à determinação do Conselho Nacional de Justiça de que o Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul exonere comissionados e realize concurso público para os cargos que, na origem, são destinados a efetivos. O conselho definiu prazo de 90 dias para que as exonerações sejam efetivadas.

As quatro decisões comprovam que quem passa hoje em concurso público tem direito à nomeação. Sei que, infelizmente, ainda existem muitos casos de terceirização ilegal e provimento precário, em detrimento de candidatos aprovados em concurso, numa afronta, como já disse antes, aos dispositivos constitucionais e à Lei 8.112, Estatuto do Servidor Público. Felizmente, com a ação da Justiça, sobretudo dos nossos tribunais superiores, isso tende a acabar em breve.

Portanto, caro leitor, se você vive situação parecida, não perca tempo. Caso perceba que as nomeações não estão ocorrendo porque o órgão público ou entidade pública, qualquer que seja, está empregando alguém mediante contrato temporário ou terceirizado para o cargo que deveria ser seu, não vacile: acione a Justiça. Com base na decisão do STJ, você pode reivindicar o direito líquido e certo à nomeação.

Isso pode ser feito de várias formas. A primeira delas é entrar com recurso administrativo, requerendo a nomeação. Não é preciso nem contratar advogado para isso. No requerimento, o candidato deve argumentar que tem direito à vaga, demonstrando que está havendo contratação irregular, nos termos da decisão do STJ, que, aliás, deve ser anexada ao recurso. O órgão terá, então, trinta dias para decidir. Se o pedido for indeferido, o candidato deve contratar um advogado para exigir na Justiça a nomeação. A par disso, você também deve denunciar o caso ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas. Essa medida certamente será muito importante para garantir o direito que lhe está sendo negado pela Administração.

Neste contexto, de tantas decisões judiciais no mesmo sentido, pode-se afirmar que todos os tribunais superiores estão, finalmente, falando a mesma língua, em se tratando de concurso público. Vale lembrar que já havia jurisprudência no sentido de que a aprovação dentro do número de vagas confere ao aprovado direito líquido e certo à nomeação, e não apenas expectativa de direito, entendimento anterior dos tribunais do País.

Agora, o quadro é bem diferente. Não interessa se o candidato comprova que foi aprovado dentro do número de vagas ou para cadastro de reserva; não importa nem mesmo que o prazo do concurso em que ele logrou êxito tenha expirado. O quadro é favorável ao concurseiro, desde que ele demonstre ter havido, no prazo de validade do concurso, contratações temporárias ou nomeação de terceirizados para funções que seriam desempenhadas pelos novos servidores.

Tudo indica que agora vai mesmo acabar esse problema que tanto angustia milhares de pessoas que investiram o futuro num concurso público e viram seu lugar ocupado por um apadrinhado. Trata-se não apenas de situação que viola o nosso direito constitucional, mas de verdadeira afronta à moralidade pública e à intenção do constituinte, que, em 1988, estabeleceu o concurso de provas ou de provas e títulos como regra para o preenchimento dos quadros das diversas carreiras na Administração Pública do País.

Mas há outro assunto sobre o qual quero falar, ainda que rapidamente, de interesse tanto de servidores públicos como de concurseiros. Trata-se da aprovação, agora no finalzinho de março, da Emenda Constitucional nº 70, que assegura aposentadoria com proventos integrais a todos os servidores aposentados por invalidez e que ingressaram no serviço público até a entrada em vigor da Emenda Constitucional nº 41, de 19 de dezembro de 2003. Eis aí uma grande novidade, porque, antes da Emenda nº 70, fazia-se um cálculo com base na média das contribuições ao longo dos anos, o que não garantia provento integral ao aposentado por invalidez. A mudança na regra – mais uma favorável aos servidores públicos – certamente será cobrada nos próximos concursos públicos.

 

(*) Congressoemfoco/por José Wilson Granjeiro/Colunista